Buscar
  • Alexandre Marzullo

Blog Uma Canção #01 - Rogério Santos, Lucas Telles e Luisa Lacerda - Modinha do Adeus

Rogério Santos é um requintado compositor brasileiro. Seu primeiro CD, “Crônicas paulistanas” mostra isso claramente. No disco há sambas, valsas, uma miríade de personagens que transitam diariamente na cidade de São Paulo e, por vezes, se transformam em figurações imprecisas como nas canções “Valsa etérea”, e “Pequeno conto”. Delicadíssimas. Aqui, Rogério se situa dentro de uma riquíssima tradição da canção brasileira feita a partir de São Paulo, com nomes que vão de Adoniran Barbosa, passando por Paulo Vanzolini, Inezita Barroso e o mestre Eduardo Gudin


Depois, fez o seu segundo álbum. No tempo das marés, em que mergulha na tradição da canção brasileira, trazendo temas do folclore nacional, das religiões afro-brasileiras. O disco traz composições primorosas como Uirapuru, o Canto e a Asa; Marujada e Quintal da Solidão. Neste disco, Rogério Santos vai se afirmando numa linhagem que tem, dessa vez, como figuras maiores nomes como Villas Lobos, Ernesto Nazareth, Edu Lobo, Guinga


Entre os dois álbuns, vão surgindo pérolas, que ele lança aos poucos. Uma delas é a recém-lançada “Modinha do Adeus”, cantada por Luisa Lacerda, uma das mais requintadas compositoras contemporâneas. A música é de Lucas Telles. A letra de Rogério Santos. Uma letra que carrega o sentimento e a leveza melancólica das modinhas e que traz o traço cristalino e já maturado da sua poesia na canção.

0 visualização0 comentário